Canudinho doce

“Leave the gun. Take the cannoli.”

A referência é clássica no cinema americano, vem do Godfather, “O poderoso chefão”, e aponta para a tradição de um dos principais doces da gastronomia ítalo-americana, que é personagem no filme e se consolidou com a imigração de talianos especialmente em Nova York.

Cannoli e café servidos no De Robertis, no East Village

O povo aqui nos Estados Unidos gosta de açúcar, tanto que os doces dominam em cafés e lanchonetes sem dar muito espaço a opções salgadas. Este apreço pelos doces gera uma grande variedade de opções de sobremesas, muitas vezes com enorme qualidade e de diferentes origens também. Uma dessas origens de um doce tipicamente nova-iorquino, na verdade, é a Sicília, na Itália, de onde vieram os cannolis.

Coberto com açúcar e raspas de limão, o cannoli do De Robertis não é doce demais

Bem simplesmente, cannoli são tubinhos de uma massa frita crocante recheados com um creme branco leve e doce, preparado com queijo ricota e podendo levar chocolate, frutas cristalizadas, frutas frescas ou o que o confeiteiro inventar na hora. Eles já são clássicos da chamada culinária ítalo-americana, e estão presentes em cafés que disputam o título de melhor da cidade.

Historicamente, diz-se que o cannoli é parte da tradição de carnaval na Itália, tendo se consolidado como uma daquelas especialidades que cada vamília tem sua receita secreta, disputando em qualidade com os vizinhos na região. Nos Estados Unidos, chegou junto com os imigrantes na virada do século XIX, e aparece atualmente não só em estabelecimentos italianos, mas em qualquer café com uma oferta um pouco mais variada, disputando espaço com donuts, muffins e cookies.

Vitrine de doces na entrada do De Robertis

Dois dos melhores cannolis experimentados em Nova Yorkm entretanto, foram encontrados em locais bem italianos em suas origens.

O primeiro foi no De Robertis, uma confeitaria e café com mais de cem anos, no East Village. O lugar foi fundado em 1904 e mantém a cara que já teve no passado, sem ter mudado muito para se enquadrar no padrão dos cafés nova-iorquinos em que todas as pessoas têm seus computadores ligados.

O ambiente interno no De Robertis

Logo na entrada do De Robertis há um corredor de açúcar, por onde se passa cercados de doces com cara excepcional por todos os lados.

O Cannoli deste café é suave, vem coberto com açúcar de confeiteiro e raspas de limão, e tem frutas cristalizadas no creme. Combina muito bem com os cafés quase artesanais servidos lá. Cada canudinho custa cerca de U$4, mas é bem grande e pode até ser dividido.

Ainda melhor de que o De Robertis é o Café Dante, outro estabelecimento secular de origem italiana e especializado em doces. O contraste com os Starbucks é percebido na vitrine de entrada do Dante, onde um aviso diz ser proibido ligar o notebook nas mesas do café. Nas paredes, placas de prêmios conquistados pelo Dante, incluindo o próprio Cannoli e o Tiramissu.

E o doce não aparece na vitrine de sobremesas, pois a massa só recebe o recheio na hora em que o cliente faz o pedido, para ficar ainda mais sequinha e crocante. O recheio é colocado com uma colher, e fica bemestufado, saindo pelos dois lados. No Dante, o cannoli não tem frutas na massa, mas pingos de chocolate. Ainda assim, ele não é mais doce ou enjoativo de que o De Robertis. Ele custa também em torno de US$ 8.

Serviço:
Caffe Dante
79-81 MacDougal St., New York, NY 10012
212-982-5275
Site

De Robertis
176 First Avenue  (entre ruas 10 e 11)
New York, NY 10009
212-674-7137
Site

Leia também:
Dante na NY Mag

Assista à cena do cannoli no “Poderoso Chefão”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s