Em busca do hambúrguer perfeito 7 – Dentro e fora em Los Angeles

Los Angeles é uma cidade estranha. Do ponto de vista de quem vive em locais urbanos, como Recife, São Paulo e Nova York, é difícil entender o funcionamento de uma cidade tão grande, com milhões de habitantes, mas espalhada de forma que não há prédios, não há o tradicional caos urbano (a não ser num pequeno pedaço do centro), tudo fica afastado espacialmente. Para completar, o transporte público não é exatamente bom, então é preciso fazer tudo de carro – É quase como Brasília, mas muito maior e com mais isolamento de que a capital brasileira. Claro que, nos Estados Unidos, este tipo de cidade é até mais comum de que os centros realmente urbanos como NY ou Chicago, e por isso LA é um exemplo da vida americana e até um modelo de vida e cultura seguido pelo resto do país.

Cheeseburgers duplos e batatas fritas no In 'n Out em Los Angeles

Foi assim, num lugar em que tudo é feito de carro, que a Califórnia se tornou o centro de surgimento dos modelos de alimentação fast food no carro, com drive ins e drive thrus da vida, como o próprio McDonald’s. Mas enquanto o restaurante dos arcos dourados se espalhou pelo mundo, a lanchonete preferida dos angelinos ficou praticamente só lá, e virou uma referência da “gastronomia” de lá. In ‘n out, dentro e fora, a hamburgueria para onde um dos personagens do Grande Lebowski passa boa parte do filme querendo ir, ou que Alex Kapranos, do Franz Ferdinand e do livro Mordidas Sonoras, disse ser o melhor Hambúrguer da California.

Apesar do nome bem ligado a passar de carro e comprar para comer em casa, o lugar é exatamente igual ao odelo que os brasileiros conhecem nas redes de fast food, simples e de atendimento realmente rápido. O cardápio tem duas opções, praticamente: cheeseburger e duplo cheeseburger, além de batatas fritas e milk shakes.

O sanduíche é feito na hora, vem com salada fresca, com molho, e o lugar fica lotado nas horas de refeições, tanto que na primeira visita foi impossível comer lá, sendo preciso voltar outro dia. É bom, mas se é o melhor da Califórnia, o Estado está muito mal servido de hamburguerias. Comparando com o que tem sido conhecido em Nova York, o In n Out não seria melhor nem mesmo de que o Blue 9, lanchonete simples do East Village, sem chances de ser o hambúrguer perfeito. O blue 9, inclusive, é melhor de que o In n Out. A carne do hambúrguer é fina e sem muito sabor, e o molho também não surpreende. Ah, e as batatas fritas também não são nada demais.

In 'n Out

Mas se os salgados decepcionaram, uma coisa pode fazer valer a visita ao In n Out, os milk shakes. Feitos na máquina, eles são bem encorpados e saborosos. Não pé um exemplo de nada feito com sorvete, mas dentro do estilo é bem melhor que o das outras lanchonetes. Além disso, o preço é excelente, e o pacote com sanduíche, fritas e milk shake sai por apenas U$6 em média.

Serviço:
In ‘n Out

Leia também:

Alex Kapranos elogia a lanchonete

Anúncios

2 Respostas para “Em busca do hambúrguer perfeito 7 – Dentro e fora em Los Angeles

  1. Pô, não pediu nenhum item do menu “secreto”? Nada “Animal Style”, ou fritas bem passadas?

  2. Ah, não. Eu sou contra menus secretos e coisas para “clientes especiais”. Acho que tem que comer o clássico, o carro chefe, o mais pedido, essas coisas que exemplificam melhor o que o lugar é de verdade para o resto das pessoas comuns.
    abs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s