Sláinte: Os bares da vida nova-iorquina

A forma de servir cerveja na maior parte dos bares de Nova York, em pints (copos de quase meio litro), denuncia a principal influência na cultura etílica da cidade. Foram os imigrantes irlandeses, povo chegado a bebidas alcoólicas, que criaram o gosto pelos bares e formaram boa parte do hábito nela. Andar pelas ruas de Manhattan é dar de cara com um bar irlandês atrás do outro, todos com aquele modelo tradicional de pub como há tantos no país de origem, no Reino Unido e até no Brasil: ambiente escuro, balcão, música alta e muita cerveja.

O verde irlandês é a cor que toma conta da cidade no dia de São Patrício

A Irlanda foi um dos países que mais contribuíram para a formação do povo dos Estados Unidos e especialmente de Nova York. Segundo o último censo, o equivalente a metade da população de Manhattan (mais de 400 mil pessoas) têm ancestrais irlandeses. A maioria veio fugindo da fome e da repressão religiosa no país, e consolidou uma forte comunidade no nordeste americano, daí que um dos eventos mais importantes do ano é o St. Patricks Day, com uma parada pela Quinta Avenida.

Fish and chips, símbolo da comida de bar irlandesa-americana

E em tantos bares de origem irlandesa, junto da cerveja, há a comida do país, sempre simples, mas bem encorpada. No cardápio da maior parte dos pubs há sanduíches, hambúrgueres, mas sempre há espaço para as tortas salgadas e o peixe com batata frita.

A torta salgada recheada com carne é outro símbolo da comida irlandesa nos bares da cidade

Os lugares sempre são parecidos e seguem uma mesma seleção de comidas tradicionais, sem muita invenção. Foi num desses bares que o Monstro almoçou há uns dias, experimentando o modelo nova-iorquino de servir as tortas, no caso uma de carne e cerveja, em que a massa cobria um refratário com o recheio. O fish ‘n chips também é bem simples, com massa crocante preparada com cerveja envolvendo o peixe.

Pub irlandês em mitown no dia de São Patrício

Não tem muito segredo, e não é a mais fantástica experiência gastronômica, mas vale como tira-gosto ou para manter de pé por mais tempo enquanto se bebe. Daí o sláinte, o “saúde!” dos irlandeses.

Não acredita? Então olha aí também…

Mapa da população irlandesa em Nova York

Site lista dezenas de pubs irlandeses na cidade

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s