A “Veja São Paulo” de Nova York

Quase todas as minhas visitas a restaurantes são apresentadas aqui no Diário com referências no final no texto indicando links da revista “Time Out”. Não é que eles paguem merchandising nem nada do tipo, mas é que a edição nova-iorquina desse guia semanal é a referência mais completa para a programação cultural-etílico-gastronômica da cidade, e funciona melhor de que qualquer guia de turismo indicando coisas legais para fazer, comer e beber.

Páguna da Time Out apresenta as 100 melhores comidas da cidade

A revista chega às bancas toda terça-feira, com quase duzentas páginas que listam restaurantes, bares, shows, lançamentos de livros, apresentações de música clássica, dança, cinema, humor, teatro, quase tudo o que acontece em Nova York ganha ao menos uma menção na publicação. Cada revista custa U$ 4, mas, impressionantemente, assinar ela por um ano custa somente U$ 19, o que já vale a pena para quem fica mais de quatro semanas na cidade.

Toda semana a “Time Out” apresenta os restaurantes que acabaram de abrir as portas, cerca de uma dezena por edição, e faz críticas de outros lugares que abriram há pouco tempo. Eles têm ainda uma pequena seção que apresenta os eventos gastronômicos com degustações e coisas do tipo. É algo parecido com o que a Veja e a Época fazem em São Paulo e no Rio, mas mais completas e em uma cidade com dez vezes mais opções.

Todo ano eles fazem ainda uma escolha das melhores comidas da cidade, com ajuda da avaliação do público, indicando o “Eat Out Awards”, que é bem respeitado entre os comedores de rua de Nova York.

A grande imperfeição da “Time Out” é que, ao tentar ser completa, ela acaba sendo absurdamente superficial. A revista é excelente para acompanhar o mercado gastronômico, perceber tendências e descobrir informações básicas, mas na hora de pesquisar mais profundamente a respeito de eventos e restaurantes vale a pena buscar mais informações em outras fontes.

A Time Out edita guias de viagens e semanais em uma dúzia de cidades pelo mundo, e tem até um livrinho sobre São Paulo. Além da publicação de Nova York, que traz a programação da semana bem organizada, tudo o que sai da revista sai também na internet, onde a “Time Out” se consolida como uma referência absoluta das coisas para comer na cidade. Ali há descrições superficiais sobre quase todos os restaurantes e lanchonetes e algumas listas especiais. Há escolha de melhores restaurantes por cada estilo, apresentação dos prêmios do “Eat Out” e de outras pequenas seleções da revista.

Serviço:
Restaurantes e bares na Time Out NY

Eat Out Awards 2010

100 Melhores coisas para se comer na cidade

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s