O lanche dos corajosos

“Quando você pegar o gosto, você não vai querer desperdiçar as adoráveis enguias gelatinosas” – Joe Brown

A traditional British snack of jellied eels

A cara de nojo parece obrigatória. Quase todo mundo que decide experimentar pela primeira vez um dos pratos mais representativos da gastronomia inglesa se assusta e tem um certo medo ao ficar cara a cara com as jellied eels. Ainda assim, o prato é histórico, faz parte da formação dos ingleses e é bem gostoso, quando se supera o estranhamento inicial. É um bom lanche, mas é preciso ter coragem.

eel2Para alguns, a simples descrição do prato é suficiente para fazer desistir: Jellied eels é um prato preparado com postas de enguias cozidas, resfriadas, e servidas dentro da gelatina natural que é liberada em seu cozimento. As enguias são naturalmente gelatinosas, e liberam grandes quantidades de colágeno quando elas são cozidas.

Soa estranho, é verdade. A enguia viva se parece uma cobra escorregadia e feiosa. Preparada para consumo, a aparência da comida, servida normalmente em pequenos potes em que a gelatina é visível e cobre parte dos pedaços de enguia, também não ajuda muito.

Não é tão comum em outras partes do mundo comer gelatina salgada, assim como não é tão comum comer enguia (que na verdade é um peixe de carne branca com sabor simples), e não é tão comum comer peixe cozido frio.  O estranhamento comum em estrangeiros existe até mesmo entre as novas gerações de ingleses, que se interessam cada vez menos pelas enguias frias. Mesmo eles têm um certo medo de experimentar.

Enguias gelatinosas servidas quentes em loja de tortas

Enguias gelatinosas servidas quentes em loja de tortas

Ao colocar na boca, o estranhamento continua. Muitas vezes a cara de nojo inicial continua presente mesmo nos corajosos que decidiram experimentar a iguaria. A textura dificulta o reconhecimento do que os não-iniciados estão comendo, e é muito comum que mesmo quem queira comer, desista no meio do caminho.

Apesar de tudo isso, “não há nada mais britânico de que um pote de jellied eels”, diz o chef/apresentador inglês Gordon Ramsey.

eel4E a perseverança de quem quer experimentar comidas diferentes é recompensada com um gosto que se ganha com o tempo. Superado estranhamento inicial, enfrentado o medo e o nojo desnecessários, é possível gostar e ser feliz comendo a enguia em gelatina.

História
A receita de enguia gelatinosa vem do século XVIII, uma tradição mais antiga de que o fish and chips. Ela surgiu por causa da grande quantidade de enguias encontradas no Tâmisa, da facilidade de capturar as enguias e do apelo nutritivo delas para as classes operárias que se formavam por toda a Inglaterra.

As jellied eels são consideradas precursoras da atual moda de food trucks que toma conta de Londres (e de outras cidades do resto do mundo, como São Paulo). No passado, elas eram servidas em barracas na rua por todas as partes de Londres como fast food.

Torta de carne com purê, enguia e molho de salsa

Torta de carne com purê, enguia e molho de salsa

Com o tempo, além de serem uma comida vendida na rua, as enguias se tornaram acompanhamento obrigatório das tradicionais tortas de carne que são servidas em estabelecimentos dos mais tradicionais da Inglaterra. A primeira loja de torta e enguia abriu em Southwark em 1844.

A tradição se manteve forte e, no final da Segunda Guerra Mundial, havia pelo menos cem casas de torta e enguia em Londres.

eel9Abundantes no Tâmisa, elas se tornaram populares por serem baratas e nutritivas. Atualmente menos comuns, elas continuam sendo pescadas no rio mesmo nas áreas centrais da cidade (o governo garante que atualmente o rio é limpo o suficiente e que elas podem ser comidas). As enguias também são protegidas para evitar a pesca excessiva e seu desaparecimento dos rios britânicos.

Tradição e atração turística
Não é mais tão fácil achar jellied eels nas áreas centrais da capital inglesa. Mesmo as casas tradicionais de tortas em que as enguias são servidas como acompanhamento, têm se tornado cada vez mais raras. A enguia em gelatina é parte da herança culinária do país, e chefs renomados como Ramsey estão engajados na manutenção do costume.

Entre 1994 e 2014, 39 lojas especializadas em servir enguias juntamente com as populares tortas de carne ingleses foram fechadas em Londres.Há quem fale no risco de desaparecimento da tradição britânica, mas o consumo de enguias ainda é grande no Reino Unido. Segundo o “Daily Mail”, as enguias voltaram a ganhar popularidade por conta da crise financeira internacional, que fez com que as pessoas passassem a buscar comidas mais baratas. Segundo o jornal “Telegraph”, em média são consumidas mais de 300 toneladas de enguias por ano ali. Segundo o jornal, o turismo está ajudando na sobrevivência da tradição.

É fácil determinar o público atual das jellied eels. É só entrar em uma das lojas de torta e enguias que ainda existem, especialmente na periferia de Londres, e perceber que a clientela é formada por dois grupos: idosos britânicos apegados à tradição e jovens turistas que querem experimentar a iguaria.

Apesar da cara de nojo inicial, o fato de a gastronomia ter se tornado uma grande moda internacional faz com que mais viajantes se interessem pelas tradições locais dos locais que visitam, e não são poucos os turistas que buscam conhecer as enguias gelatinosas, mesmo com todo o estranhamento do mundo.

eel7

Ao comer a enguia pela primeira vez, é preciso tomar um pouco de cuidado. As postas de enguia costumam ser colocadas inteiras na boca. Apesar da textura estranha, a pele e a carne são comidas juntas. A carne macia deve ser mastigada cuidadosamente, e o pequeno osso dela separado dentro da boca. Em alguns lugares, o vendedor costuma avisar para ter cuidado com o ossinho, que não deve ser engolido.

Comer enguias gelatinosas é estranho, mas há um caminho para se iniciar nessa “arte” gastronômica. Quando as enguias são servidas com tortas de carne nas “pie houses” inglesas, elas costumam ser aquecidas, o que diminui o estranhamento e ajuda até mesmo a gostar delas. Servidas quentes, as enguias perdem a textura que assusta, e deixam mais evidente o sabor de peixe e os temperos que acompanham. Depois de comer a enguia servida quente, vale a pena pedir o pote dela fria, e experimentar a textura gelatinosa.

As enguias ainda são vendidas em barracas especializadas em frutos do mar para consumo imediato. Elas não são tão populares nas áreas centrais de Londres, mas fora da capital, especialmente nas cidades litorâneas como Brighton e Whitstable, é muito comum ver jellied eels vendidas nas ruas. Além disso, as jellied eels podem ser encontradas já prontas em supermercados.

O melhor lugar para experimentar as jellied eels em Londres, entretanto, são as lojas mais antigas de tortas, chamadas de Pie and Mash shops.

Algumas das mais famosas são a Goddard’s (22 King William Walk), a M. Manze (87 Tower Bridge Rd.), F. Cooke (9 Broadway Market), Poppies (6-8 Hanbury St.), e Clark’s (46 Exmouth Market)

As jellied eels são tão importantes para a cultura britânica que inspiraram uma canção de Joe Brown, que diz que “quando você pegar o gosto, você não vai querer desperdiçar as adoráveis enguias gelatinosas”

Ouça a música abaixo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s