Arquivo do mês: março 2015

Chá chá chá

anigif_enhanced-buzz-2338-1417719991-14

Chá é melhor de que café.

A frase é decretada pelo jornal britânico “The Guardian” logo no início de uma reportagem sobre a forma correta de preparar o chá inglês, com leite e tudo. É uma forma de deixar claro logo de início que o assunto é importante para os ingleses e que de fato a bebida quente preparada com infusão de folhas fermentadas de Camellia sinensis é uma prioridade no país. Mesmo que o café esteja espalhado pela Inglaterra e que seja muito popular (especialmente por conta de cafeterias de rede estilo Starbucks, como Costa e Nero), o chá continua sendo mais popular e é a verdadeira instituição alimentar do país, praticamente um sinônimo de Inglaterra.

O chá é valorizado na Inglaterra como se tivesse propriedades miraculosas, explica a antropóloga Kate Fox. Uma xícara de chá pode curar quase qualquer problema, da dor de cabeça ao joelho ralado, e é remédio para qualquer mal psicológico. A bebida é vista de uma vez só como calmante e estimulante, e tem o poder de ajudar em qualquer situação.

Além disso, o costume de preparar chá serve como reação automática ao desconforto em qualquer situação social. Sempre que há silêncios desconfortáveis, os ingleses interrompem a conversa para preparar um chá.

Apesar de no Brasil existir o hábito de chamar qualquer infusão de chá (de camomila, de boldo, de erva doce, por exemplo) somente as infusões da Camellia sinensis podem ser chamadas de chá: preto, verde ou oolong. O chá mais comum no Reino Unido é o chá preto, comumente chamado apenas de chá (tea), ou “breakfast tea”. As folhas neste caso são fermentadas antes de serem desidratadas. O principal produtor dele é a China também. O chá verde é preparado com folhas desidratadas, mas não fermentadas. o chá Oolong é preparado com folhas “semi-fermentadas”, e tem gosto diferente. Os dois são mais populares na ásia.

O chá é um símbolo do lar britânico. Em uma casa inglesa pode não ter geladeira, pode não ter fogão ou microondas, mas jamais faltará um kettle, uma chaleira elétrica que serve para esquentar rapidamente a água que vai preparar o chá.

É em casa, ao acordar, após a refeição, à tarde, à noite ou em qualquer hora em que duas pessoas se sentarem para conversar, que o inglês mais consome a bebida quente, com leite.

Na rua, o chá divide atenção com o café, vendido em bares, restaurantes e cafeterias e servido de forma pouco elegante, em copos de plástico para consumo na rua.

O diferencial é que a Inglaterra ainda valoriza a tradição do chá da tarde, em restaurantes e hotéis que se especializaram e preparar a longa refeição intermediária da tarde para turistas que querem conhecer o costume britânico e para muitos ingleses que gostam de interromper a atividade do dia, sentar para conversar e beliscar umas comidas. É como o brunch, aquela longa refeição entre café da manhã e almoço servida nos fins de semana, só que qualquer dia e à tarde. só não pode ter pressa.

Mesmo que seja preparado com uma mesma planta, o chá pode ser comparado ao vinho (sempre preparado com uvas) para se dizer que ele pode ser servido com formas e sabores muito diferentes, segundo a enciclopédia Oxford Companion to Food. A enciclopédia Food Lover’s Companion também destaca que, assim como no vinho, uma mesma planta de chá pode ter sabores diferentes dependendo de onde ela for plantada, ou a forma como a folha é tratada depois de colhida. o terroir importa, e o resultado são bebidas com sabores bem diferentes.

Outro dos mais famosos na Inglaterra é o Earl Grey, que é chá preto com essência de óleo de bergamota. Este pe um dos primeiros tipode de chá “blended”, misturado. uma nomenclatura que lembra a forma como os especialistas se referem a uísque. Além dele há o “Lady Grey”, que tem toque cítrico bem mais evidente, o Darjeeling, produzido na Índia. Outro tipo de chá muito popular na Inglaterra é o chai, que é o termo indiano para a bebida e se refere a um chá preparado com especiarias como cardamomo, canela, cravo, gengibre, noz moscada e pimenta.

Veja mais gifs hipnotizantes de chá